CLOCK 33

NIKOLA TESLA

"O PAI DA ELETRICIDADE"

NIKOLA TESLA

O VERDADEIRO PAI DA ELETRICIDADE

A CLOCK 33 sabe quem foi Nikola Tesla, e você? Se a resposta foi sim, provavelmente você conhece a importância, do trabalho, deste grande gênio da humanidade. Caso contrário, prepare-se para ficar maravilhado(a), com tamanha genialidade. Para se ter uma ideia, certa vez perguntaram ao Sir Albert Einstein: Qual a sensação de ser o homem, vivo, mais inteligente da Terra? A resposta de Einstein foi rápida, e surpreendeu a todos: Essa, deverias perguntar ao Tesla, disse ele. Já imaginou, Albert Einstein dizendo isso?

Os feitos de Tesla foram tantos e tão importantes, que poderíamos até, arriscar dizer, que: Foi o responsável pelo século 20, pois, todos os avanços e comodidades tecnológicas que conhecemos hoje, só se tornaram possíveis, com as suas descobertas e invenções. Parece importante? A Energia em nossos lares, os Satélites no espaço, o Rádio, o Controle Remoto, a Comunicação Móvel, a Televisão, a Internet, o Wifi, e até, o próprio Computador, sem falar nos Motores de Corrente Alternada, que, só foram possíveis, através do trabalho da mente brilhante de Nikola Tesla. Na verdade, a lista é enorme, e inclui também, os modernos Motores Elétricos, que representam o futuro dos automóveis. Se quer saber mais, sobre a história de Tesla, ou ainda acredita, que, Thomas Edison foi “o Pai da Eletricidade”, leia o conteúdo completo, ao final, conte-nos a sua opinião.

RESUMO BIOGRÁFICO

A HISTÓRIA DO GÊNIO NIKOLA TESLA

Durante sua infância, e no decorrer de toda sua vida, Tesla tinha insônia, alegava que luzes surgiam em sua direção, acompanhadas de visões e alucinações, que, por sua vez, estavam ligadas à uma ideia, uma revelação. Tesla visualizava uma invenção, em sua mente, de forma precisa e realista, criava os componentes e os montava, de modo, que, os fazia funcionar, antes mesmo, de começar a esboça-los em papel, ou ainda, antes até, de começar a produzi-los materialmente, uma habilidade singular, com toda certeza, incomum.

CURIOSIDADES

AS MANIAS E A VIDA PESSOAL DE TESLA

Foi uma figura nobre, singular, um cavaleiro gentil e popular entre as mulheres, porém, optou viver o celibato, Tesla nunca se casou, e afirmava, que, essa condição, era crucial para seu desenvolvimento profissional e cientifico. Era obcecado por números múltiplos de três (03), em especial, os números três (03), seis (06) e nove (09), algo parecido, com o que a psicologia denomina, transtorno obsessivo compulsivo. No entanto, algumas teorias sugerem, que, esses números realmente são importantes, mas isso, é assunto para outra postagem.

tesla-logo-assinatura-clock33

BIOGRAFIA COMPLETA

TUDO SOBRE A VIDA DE NIKOLA TESLA

Filho do Padre Presbiteriano da Igreja Ortodoxa, Milutin Tesla, e de sua talentosa, e criativa, mãe, Duka Mandici, que, embora analfabeta, inventava e produzia, seus próprios utensílios domésticos, e ainda, recitava poemas como ninguém. Duka Mandici, a mãe de Nikola Tesla, tinha uma habilidade, e uma memória, espetaculares, memorizava os poemas, escutando-os, somente uma vez, e os recitava com perfeição. Foi uma mulher brilhante, e trouxe ao mundo Nikola Tesla, o gênio indomável. Nascido à meia noite, em 10 de Julho de 1856, durante uma forte tempestade de raios, na pequena aldeia sérvia chamada Smiljan (localizada no território do antigo império Austríaco e atual território da Croácia), Tesla, era o quarto filho dos cinco, que compunham a família, tinha um irmão mais velho chamado Dane, e três irmãs mulheres, Angelina, Mika e Marica.

VIDA NA CROÁCIA

A MORTE DE SEU IRMÃO E OS ESTUDOS

Aos cinco anos de idade, após o falecimento de seu irmão, em um trágico acidente à cavalo, Tesla e sua família mudaram-se para Gospic, atual Croácia, em 1862. Onde estudou engenharia elétrica, no Politécnico Austríaco, em 1875. Nessa época, se dedicava a leitura de livros, e como sua mãe, possuía uma memória impressionante, decorava livros inteiros, lendo-os apenas uma vez. Também, foi capaz de aprender muitos idiomas, dos quais, era fluente em sete, além do sérvio, falava: Checo, Inglês, Francês, Alemão, Húngaro, Italiano e Latim.

VIDA EM BUDAPESTE

A COMPANHIA NACIONAL DE TELEFONES

Em 1880, mudou-se para Budapeste, para trabalhar na “Companhia Nacional de Telefones”, onde, rapidamente, em 1881, tornou-se o Eletricista Chefe da companhia, mais tarde, tornou-se o Engenheiro, responsável pelo primeiro Sistema Telefônico do país. Durante essa época, também inventou um aparelho Amplificador de Telefone, que, segundo historiadores, pode ter sido, o primeiro Alto-Falante do mundo. No ano seguinte, mudou-se para Paris, na França, para trabalhar como Engenheiro na “Continental Edison Company”, de Thomas Edison.

VIDA NA AMÉRICA

A MIGRAÇÃO PARA OS ESTADOS UNIDOS

Em 1884, migrou para os Estados Unidos, em busca do sonho, de trabalhar com o grande Thomas Edison, e conseguiu. No início, instalava e reparava lâmpadas incandescentes, mas, em um curto período de tempo, já estava envolvido na solução dos problemas mais difíceis e até, projetou, vinte e quatro (24), diferentes tipos de máquinas, que se tornaram padrões na companhia. O fato é, a humanidade se beneficia, e deve muito, ao trabalho deste Ser Humano Iluminado, um Gênio, que, aos poucos, recebe o merecido, reconhecimento.

O GOLPE DE THOMAS EDISON

A DEMISSÃO VOLUNTÁRIA DE NIKOLA TESLA

Tesla identificou que os geradores elétricos de corrente contínua de Edison eram ineficientes, e disse a ele que poderia projeta-los, de modo que seriam eficientes. Mesmo não acreditando que conseguiria, Thomas Edison prometeu-lhe uma enorme quantia de dinheiro se conseguisse tal feito, algo em torno de U$ 50,000 (cinquenta mil dólares americanos), que, na época, era muito dinheiro. 

Após alguns meses de trabalho, Tesla conseguiu executar a difícil tarefa e questionou Edison sobre o pagamento prometido, Thomas Edison riu, e disse que estava apenas brincando. Ao invés de lhe pagar o prometido, Edison ofereceu-lhe um aumento de U$ 10,00 (dez dólares) semanais, contrariado, Tesla recusou a oferta e se demitiu imediatamente. Uma sábia decisão, que, mais tarde, custaria caro a Edison.

A TRAIÇÃO DE RAHWAY

A REVIRAVOLTA DA TESLA ELETRIC COMPANY

Após romper com Thomas Edison, Tesla encontrou um Empresário chamado Rahway, que apoiou a ideia de Tesla de Arco-Iluminação, usando um Eletro Ímã para uniformizar a alimentação do carbono, uma espécie de Lâmpadas Elétricas, mas, assim que conseguiu uma forma de lucrar com isso, demitiu Tesla, que, mais uma vez, foi injustiçado pela ganância humana.

Em meados de 1886, trabalhou cavando valas para os cabos de conexão da “Western Union Telegraph Company”, onde, seu Supervisor, percebeu o talento do Inventor, e o apresentou para Charles Peck, um renomado Empresário, Advogado, que, junto com outros investidores, financiaram a “Tesla Eletric Company”, em 1887. O projeto parecia promissor, Tesla, estava motivado e trabalhava incansavelmente.

Nessa época, Nikola Tesla apresentou a Corrente Alternada Polifásica, bem como, ensaios sobre a Energia Livre, porém, o foco dos investidores eram Lâmpadas Elétricas, enquanto o de Tesla, era altruísta, o conceito da Energia Livre mudaria o mundo, distribuindo energia gratuitamente, com tecnologia de ponta. Quando perceberam, que, os objetivos de Tesla eram outros, pensaram que iriam deixar de lucrar com isso, e abandonaram-no, deixando de financiar suas pesquisas. Mais uma vez, Tesla se viu sozinho em sua jornada, porém, estava motivado a alcançar seus objetivos, e este, foi o início da “Guerra das Correntes”.

ca-vs-cc-info-clock33

TESLA VS EDISON

O INÍCIO DA GUERRA DAS CORRENTES

Durante os anos seguintes, Tesla apresenta novos ensaios científicos, detalhava aplicações, sobre a corrente alternada de alta frequência, e muitas outras descobertas. A partir desse período, desenvolveu um conjunto extenso, de inventos, para produção e uso da eletricidade, como, o Motor Elétrico e a Indução Mútua, entre centenas de outras patentes. Por mais, que, Tesla demonstrasse a eficácia da Corrente Alternada, Edison insistia na Corrente Contínua, e financiou, uma grande campanha negativa contra Tesla. Seu objetivo, destruir Tesla, pois, a corrente alternada, colocaria em risco sua reputação, e pior, sua companhia milionária. Uma vez, que, o método de Tesla, era muito mais eficiente, e barato, que o seu.

CORRENTE CONTÍNUA

O MÉTODO INEFICAZ DE THOMAS EDISON

Para se ter uma noção básica, das diferenças entre os métodos, Corrente Contínua VS Corrente Alternada, para que, a Corrente Contínua de Thomas Edison funcionasse, seriam necessárias, distribuidoras de energia a cada dois quarteirões, sem falar no investimento, absurdamente surreal.

CORRENTE ALTERNADA

O MÉTODO DE TESLA MUDARIA O MUNDO

Enquanto, que, a Corrente Alternada de Nikola Tesla, necessitava somente de uma distribuidora, para distribuir energia à centenas quilómetros de distância. Para se ter uma ideia, da eficácia da Corrente Alternada, ainda hoje, é a maneira que utilizamos a rede elétrica, e recebemos a energia nas cidades.

WESTINGHOUSE

OS DESAFIOS DE TESLA, EXIGIAM ALIADOS

Mesmo com tanta publicidade negativa, Tesla despertou o interesse de um grande investidor americano, George Westinghouse, que se interessou pelo seu trabalho, e comprou as sete (07) patentes, referentes ao sistema de distribuição de energia, de Corrente Alternada, por U$ 65,000 (sessenta e cinco mil dólares americanos), tornando Tesla, um homem bem sucedido. E tem mais, a parceria deu tão certo, que lançou a “Westinghouse Eletric Company” a outros patamares. Tornando-a, responsável pela construção, de uma ambiciosa Central Elétrica, movida nada mais, nada menos, pela força das águas das Cataratas do Niágara. 

FEIRA MUNDIAL DE CHICAGO

ILUMINOU A PRIMEIRA FEIRA DE ELETRICIDADE

Em 1893, Tesla e as empresas Westinghouse, venceram uma licitação, e conseguiram o direito de iluminar a Feira Mundial de Chicago, a primeira feira da eletricidade do mundo. O projeto de Thomas Edison era muito caro, tornou-se inviável para os dirigentes da feira. No entanto, Thomas Alva Edison, ficou ressentido, estava inconformado com o fato, mas, ainda tinha um trunfo na manga, para atrapalhar Tesla. Isso mesmo, por puro absurdo, e ego ferido, Edison proibiu o uso de suas Lâmpadas Incandescentes na Feira Mundial de Chicago.

TESLA INOVOU

INVENTOU AS LÂMPADAS FLUORESCENTES

Isso significava, que, Tesla teria que inventar um modelo de lâmpada diferente, além de produzir, cerca de duzentas e cinquenta mil delas, isso tudo, em menos de seis meses. Embora fosse improvável, que conseguiria, Tesla contrariou as estatísticas e conseguiu, inventou um novo modelo de lâmpadas, mais prático e fácil de produzir, que vieram à ser, as famosas Lâmpadas Fluorescentes, utilizadas ainda hoje. A feira foi um sucesso, e desse ponto em diante, iniciou-se, a impressionante, “Era da Eletricidade Moderna”.

ca-corrente-alternada-clock33

O FIM DA GUERRA DAS CORRENTES

TESLA VENCE COM A CORRENTE ALTERNADA

Após o sucesso fenomenal da feira, o milionário George Westinghouse, convence o Governo Americano à adotar o modelo padrão de Corrente Alternada, como o meio mais eficiente, para a distribuição de energia elétrica, e assim, Nikola Tesla vence a “Guerra das correntes” e para encerrar o assunto, em 1896, Tesla projetou e foi o responsável pela construção, da primeira “Estação Hidrelétrica” do mundo, aquela mesma, que utilizava a força das águas das Cataratas do Niágara, para iluminar uma cidade inteira, “Game Over”, para a Corrente Contínua de Thomas Edison.

Embora Nikola Tesla tenha se tornado uma figura popular e muito bem relacionada, nunca recebeu o devido valor e reconhecimento por suas grandiosas descobertas. Com o tempo, optou por uma postura mais reclusa, resguardando, grande parte de suas descobertas para si. Inclusive, apresentou o conceito de ondas de rádio refletindo objetos, para determinar sua localização e velocidade, isso em 1917, dezessete anos antes da invenção do Radar. Também existem registros, de experimentos com o Raio X, oito anos antes de sua descoberta.

INVENÇÕES DE TESLA

O MAIOR VISIONÁRIO DE TODOS OS TEMPOS

Tesla trabalhou por amor, incansavelmente por anos, e apresentou, uma série de ideias muito à frente de seu tempo, entre elas: o Controle Remoto, o Motor Elétrico, o Motor de Indução, a Ignição Elétrica, o enigmático Motor Magnético, a temida Máquina de Ressonância Vibracional (famosa “Máquina de Terremotos” que Tesla destruiu com uma marreta), a incrível Bobina de Tesla, capas de muitas realizações, entre elas, transformar 110 volts, em milhões de volts. Nikola Tesla, já falava sobre o fim dos Combustíveis Fósseis, a necessidade de Energias Renováveis, inclusive, possuía patentes visionárias, referentes à Energia Solar e Geotermal, e entre outras maravilhas modernas, a magnifica, Energia Livre. As incontáveis Patentes de Tesla, mais de 300 (trezentas) conhecidas, e outras tantas, que, supostamente, foram atribuídas a outros inventores, ou até, ocultas do público, transformariam o mundo.

A ENERGIA LIVRE

O MAGNIFICO MUNDO DE NIKOLA TESLA

Enxergando muito além, do que o ser humano poderia imaginar, Tesla, visionava um mundo, em que, a Terra, seria o condutor natural da energia. Através de uma frequência vibracional específica, levaria energia ao mundo todo, e também, seria capaz de comunicação em tempo real, transferência de arquivos, fotografias, dados, e tudo que a Internet atual é capaz, mas em uma escala muito maior, em uma velocidade inimaginável, tudo isso, de maneira gratuita e sem a utilização de fios elétricos. Infelizmente, seu trabalho com a Energia Livre foi interrompido. Os financiadores de Tesla, ficaram horrorizados com a ideia de não lucrarem com aquilo, e uma enorme “Bobina de Tesla”, com 50m de altura e 38m de profundidade, necessária para transmitir energia via “Wifi”, a quilômetros de distância, foi covardemente demolida, assim como, parte de seu laboratório, que, pegou fogo misteriosamente.

GÊNIO INCOMPREENDIDO

UM HOMEM À FRENTE DE SEU TEMPO

As ideias de Tesla eram incompreendidas, na época, e ainda hoje são, de fato, ele foi um homem muito à frente de seu tempo, e do nosso, para falar a verdade. Como poderiam aceitar, naquela época, a ideia de contatos extraterrestres, através de ondas de rádio? Tesla afirmava que sim, que era possível, e inclusive, alegava ter recebido transmissões do espaço em seu laboratório. Exatamente como os cientistas, e famosas instituições de pesquisa, estão fazendo hoje em dia. No entanto, essas e outras, alegações de Tesla, na época, fizeram com que perdesse credibilidade, pois, infelizmente, vivemos em uma sociedade retrógada, e boa parte da população, ainda reluta nessas questões. Ainda estamos tentando compreender, e redescobrir, o que ele descobriu, uma vez, que, após a sua morte, todos os seus pertences e arquivos, da casa e do laboratório, desapareceram misteriosamente no dia seguinte.

O FIM DE NIKOLA TESLA

O GÊNIO MAIS INJUSTIÇADO DA TERRA

O que realmente é uma pena, é ver como esse Ser Humano Incrível, terminou seus dias, embora haja controvérsias, a história oficial diz, que, Tesla terminou seus dias recluso, sujo, falido, tachado de maluco e falando com pombos, morreu de um ataque do coração, em 07 de janeiro de 1943. O que é, perfeitamente compreensível, uma vez, que, a reclusão, pode ser a única saída para gênios indomáveis, que, assim como Tesla, estavam muito à frente de seu tempo. Mesmo assim, ao meu ver, ele merecia muito mais, ao menos, recebido o devido reconhecimento, por todos os seus feitos incríveis, que mudaram e transformaram o mundo.

A OUTRA HISTÓRIA DE TESLA

THE WALL OF LIGTH DE ARTHUR H. MATTHEWS

Porém, há uma versão diferente, publicada em 1971 por, Arthur Henry Matthews, um engenheiro e amigo de Tesla, que publicou o dossiê completo, chamado “The Wall of Ligth”, alegando que Tesla morreu rico, e ainda, que teve um filho. E tem mais, segundo Matthews, Tesla deixou os desenhos, e instruções, para a construção de um aparelho, que, possibilitaria a comunicação com seres extraterrestres, o chamado “Tesla Scope”. Uma história surpreendente, contradizendo a versão oficial. Algumas teorias, sugerem que Arthur Henry Matthews, era o suposto filho de Tesla, devido à semelhança física e genialidade de ambos, que, impressionam.

CONCLUSÃO

NIKOLA TESLA AINDA É UM MISTÉRIO

Controvérsias a parte, por fim, Nikola Tesla tem conquistado seu devido lugar na história, aos poucos, a internet é uma grande facilitadora, e uma ótima contadora de histórias. O que me faz questionar, uma série de porquês, como: Por que, só agora se fala em Tesla no Brasil? Por que, nos livros de história, só existia o nome de Thomas Edison? Será que Edison realmente foi um vilão? Afinal, ele merece todo respeito, pois, é responsável por mais de 2.000 (duas mil) patentes inventivas, fundou a “General Eletric” (GE), e ainda, inventou a Lâmpada Elétrica. O que isso realmente significa? Seria possível, estarem reescrevendo a história, bem diante de nossos olhos? Isso tornaria Tesla o quê, um arquivo confidencial, um mártir? Mas, o que realmente devemos nos perguntar, é: Por que fariam algo assim? Pense nisso.

R.J.Morais (clock33oficial)

R.J.Morais (clock33oficial)

Antes de mais nada, “só mais um maluco”, assim, pode-se definir, em poucas palavras, o autor: R.J.Morais...
  • Confesso que esse final, nem eu esperava publicar, acontece, que, estou aqui para questionar, pois, quero saber a sua opinião. O que você acha que ocorreu, para Tesla ser tão desacreditado em sua época, e por que só agora, recebe o devido reconhecimento? Inclusive, recebeu os créditos pela patente da invenção do Rádio, antes, atribuída a “Guglielmo Marconi”. Embora, hajam relatos históricos, de uma transmissão de rádio realizada, com sucesso, na Av. Paulista em, 03 de junho de 1900, através da invenção de um Padre brasileiro, chamado, “Roberto Landell de Moura”, dois anos antes de Marconi registrar, as supostas patentes do Rádio de Tesla. Comente!